novembro 30, 2015

24 nov



24 nov - Dia Nacional da Cultura Científica

O Dia Nacional da Cultura Científica, 24 de novembro, foi instituído em 1997 para comemorar o nascimento de Rómulo de Carvalho e divulgar o seu trabalho na promoção da cultura científica e no ensino da ciência.
Rómulo de Carvalho enquanto poeta usava o nome de António Gedeão. Foi professor de Física e Química, pedagogo, poeta, investigador, historiador, escritor, etc.
Uma das poesias mais conhecidas dele é “Lágrima de preta” onde faz uma “análise química de uma lágrima” do modo cientifico-poético.


Outro poema famoso do autor é “ A Pedra filosofal”

Pedra Filosofal
Eles não sabem que o sonho
é uma constante da vida
tão concreta e definida
como outra coisa qualquer,
como esta pedra cinzenta
em que me sento e descanso,
como este ribeiro manso,
em serenos sobressaltos,
como estes pinheiros altos
que em verde e oiro se agitam,
como estas aves que gritam
em bebedeiras de azul.

Eles não sabem que o sonho
é vinho, é espuma, é fermento,
bichinho álacre e sedento,
de focinho pontiagudo,
num perpétuo movimento.

Eles não sabem que o sonho
é tela, é cor, é pincel,
base, fuste, capitel,
arco em ogiva, vitral,
pináculo de catedral,
contraponto, sinfonia,
máscara grega, magia,
que é retorta de alquimista,
mapa do mundo distante,
rosa-dos-ventos, Infante,
caravela quinhentista,
que é cabo da Boa Esperança,
ouro, canela, marfim,
florete de espadachim,
bastidor, passo de dança,
Colombina e Arlequim,
passarola voadora,
para-raios, locomotiva,
barco de proa festiva,
alto-forno, geradora,
cisão do átomo, radar,
ultrassom, televisão,
desembarque em foguetão
na superfície lunar.
Eles não sabem, nem sonham,
que o sonho comanda a vida,
que sempre que um homem sonha
o mundo pula e avança
como bola colorida
entre as mãos de uma criança.
 





novembro 19, 2015

Livraria Lello, no Porto, uma das mais bonitas do mundo...

A tão conhecida Livraria Lello e Irmão foi inaugurada a 13 de Janeiro de 1906, no n.º 144 da Rua das Carmelitas, no Porto.

Em termos arquitetónicos este espaço teve uma grande influência do neogótico, a tendência dominante do início do Séc. XX. Os tetos trabalhados, o grande vitral e a escadaria de grandes dimensões preenchem a imagem de marca desta livraria.

E isso é tão marcante, que a autora dos livros de Harry Potter, J.K. Rowling, que viveu no Porto alguns anos,  inspirou-se  nestas belíssimas escadas e transportou-as para os seus livros e assemelham-se por isso às escadas de Hogwarts.

Se puderes revê com atenção os filmes de Harry Potter, fica atento à escadaria e fica orgulhoso por a livraria estar numa cidade que inspirou a autora.

novembro 12, 2015

A magia da poesia...

Ourém recebeu de braços abertos a magia da poesia.

Frases sentidas, amores proibidos, sonhos perdidos em florestas encantadas e nas montras,  livros.

Livros nas montras, livros com magia, livros com poesia...



Sem sombra de dúvida...


novembro 02, 2015

Dia Biblioteca Escolar em Portugal.

No dia 26 de Outubro, a educadora Manuela Simões e os seus meninos tornaram a visitar a biblioteca sede.
A assistente operacional Carla Santos recebeu-os com muito carinho e aproveitou para lhes ler e mostrar a linda história: "A Fada Palavrinha e o Monstro das Bibliotecas" de Luísa Ducla Soares.

Sentadinhos e muito bem comportados eles ainda aproveitaram para ouvir outras pequeninas histórias de encantar. Aqui ficam algumas fotografias da atividade desenvolvida neste dia da Biblioteca Escolar em Portugal.

VENCEDORES CONCURSO CASTELOS SÉC. XXI